Mesmo os voos solitários chegam em algum lugar. Façamos de nosso Pais a Terra que sempre sonhamos viver...

segunda-feira, 2 de novembro de 2015

Acordo fechado. Marina será vice de Lula.

O tão esperado sonho de marina se Realiza. Será candidata a Vice, na Campanha de Lula em 2018, mesmo que o "seu Grande Ídolo" não rompa com PT e desista de migrar para Rede.Para alinhavar aliança, Figurões da estrela começarão a migrar, dando sustentação à Rede, incorporando ao Partido Poder, proveniente de número expressivo de Prefeitos, Governadores, Deputados e, até Senadores. Suplicy ou até mesmo Humberto poderão ser escalados. A Bandalha está sendo armada, com requintes de falta de vergonha.
Com essa atitude, Lula demonstra desistir por completo do PMDB.Busca com a Rede alternativa para recompor o que chama de Esquerda, contando com apoio de dissidentes, comandados por Renan, Collor, Temer e Cia...O mais intrigante nas Reuniões à Portas Fechadas e na calada da noite, é a não participação da Banda Dilma do PT. VOU ALI VOMITAR E JÁ VOLTO. Coisas de um País que virou uma coisa. E Assim o Mundo Gira e o brasil se Afunda.
Se você se identifica com a Luta do Sofá de Pobre, ajude-o a prosseguir. Clique nas Mensagens dos patrocinadores. Prestigie quem nos prestigia.

9 comentários:

  1. Agora vai...pro brejo de veiz!!!

    ResponderExcluir
  2. Gente, a pessoa n tem q ser só mentirosa pra inventar um negocio desses, tem q ter talento...

    ResponderExcluir
  3. Essa foto é desta década? Veja que a Marina tá novinha e o Lula ainda tem cabelo.
    Então a Marina se deu ao trabalho de construir uma história de ética e integridade, nos unir em torno de um projeto para o Brasil como é a REDE Sustentabilidade, para depois se juntar a este crápula como vice?
    Claro que não, né!
    Fico pensando se qualquer idiota pode escrever impunemente o que quiser, alheio a verdade, então chegamos ao ápice da liberdade de expressão.

    ResponderExcluir
  4. Isto sim é um conto de ficção! Bem elaborado, na mente dum blogueiro totalmente sem fundamentação e credibilidade!

    ResponderExcluir