Mesmo os voos solitários chegam em algum lugar. Façamos de nosso Pais a Terra que sempre sonhamos viver...

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

PT. PUTREFAÇÃO DE UMA MILITÂNCIA HISTÓRICA. DETALHES

Complicado de aceitar a realidade, é ter de engolir. 
Dedicou 34 anos de sua vida, acreditando numa verdade, que não se consolidou.
Vestir a carapuça de Ingênuo. Inocente útil.


A 34 anos PT inicia Caminhada, com um grande diferencial; sua Militância.
Marca Registrada. Única. Forte. Aguerrida. Convicta de uma missão. Incorruptível.
Defendia interesses dos mais humildes. Arregaçava as mangas. Entrava em lugares nunca antes visitados. Contaminavam com sua Fé. Mobilizavam.
Idolatravam Líderes. Homens vistos como representantes do Povo. Verdadeiros Heróis capazes de mudarem o País.
Atropelavam Opositores com palavras de ordem. Não haviam limites.
PT crescia, mas quem brilhava era a Estrela de sua Militância.
Bastava a convicção de um petista, para arrebanhar dezenas de seguidores.
Fenômeno não mais ocorre.

CONTAGIANTE É A ENERGIA DA CONVICÇÃO. NÃO CLICHÊS REPETIDOS MECANICAMENTE...

Quem hoje estuda comportamento de um Petista, conhece o de todos.
Lavagem cerebral chega às raias do assustador.


Partido chega ao Poder e lá se mantém por 12 anos.
O Tempo segue sua rotina linear. Dia após dia realidade muda. Militantes não percebem.
Antigos líderes se corrompem. Enriquecem.
Não há mais como garantir serem os Pobres x Ricos.
Investimentos insuficientes no Social. Como se outorgar posição de Socialista?
Aposentados violentados com reajustes criminosos. Trabalhadores continuam a ter seu dinheiro confiscado, por um fundo de garantia que não remunera. Assalta.
Estranho intitular-se Trabalhista.
Privatizações, tão criticadas no passado, passam a fazer parte da proposta. Embora com apelidos diferentes, Privatização é sempre Privatização.
Como se dizer esquerda e condenar Neo Liberalismo?
Banco cobram juros capazes de humilhar qualquer agiota, com o aval da omissão.
Como se dizer contra Oligarquias?


Triste constatação.
O Amor permanece o mesmo. Talvez maior.
O Militante ainda é capaz de matar pelo Partido. Só que hoje já tem tanta certeza do que motiva o  assassinato.
Insegurança essa disseminada entre quem os observa. Até mesmo dentro da Colmeia.
A Fila anda. Quem não recicla é atropelado.
Militância Petista sucateou. Tornou-se obsoleta. Ilógica. Ridícula. Razão de Piada.
Partido abandonou Ideologia que o inspirou.Militância prossegue em defesa do Partido.

De guerreiros escrevendo nova página da história, se transformaram em cúmplices do mesmismo.


Partido dos Pobres hoje tem Majoritária desfilando de Loui Viton e dizendo poder paga restaurantes caros na Europa.
Imagem topetuda violenta ideologia.
Apresenta Lideres históricos comprovadamente envolvidos em atividades capazes de estuprar a Cartilha da Legenda e a Militância não desperta.

Lembram mãe de vagabundo. A culpa é sempre das más companhias. O filho é sempre o coitadinho perseguido e mal interpretado.


Se Lula, bêbado, dirigindo na contramão, em alta velocidade em noite chuvosa, colidir com carro estacionado em local permitido, logo aparecem militantes garantindo ser culpa da Direita Raivosa .
Estacionaram de propósito ali, pra forçar colisão.
Se alguém ousar tenta explicar Leis de Transito, garantirão serem Leis de Burguesia, que não aceita ver Operário Motorizado.
Prende-se tanto a mentira do Operário no Poder, que esquecem.
Lula eleito não era Operário e sim Líder Sindical Poderoso, ex Deputado Federal  e estabilizado economicamente.
Em não calando questionamentos, partirão para ataques e ofensas.
No primeiro revide, inverterão situação e sairão se vitimizando. Afirmando terem sido insultados.
Romântico. Lúdico. Digno de profundo estudo social e até de divertimento, não fosse ano de Eleição.


O tempo tem o dom de surpreender.
Informações das principais trincheiras dão conta.
Lideranças hoje se obrigam a concordar, com Responsáveis na condição do Marketing de Campanha..
A Militância do PT hoje, joga contra o Partido que tanto defende. Persona non Grata, De boca fechada, ajudariam muito mais.
Comparativo sustenta tese.

- Militante do PCO ou do PSTU lembra Petista da década de 80.
- Militante do PSOL nos faz recordar Petista da década de 90. Pouco mais lapidado, mas igualmente Fanático.
- Militante PT de hoje, lembra caricatura de si próprio.
Ofende USA, Direita e Capitalismo, sentado diante de um Apple, postando no Facebook, sem deixar de consultar o Google e tomar uma Coca Cola.
Socialista de Shopping. Muito fácil.
Criticar, enquanto usufrui dos benefícios vindos de quem critica.

Povo sabe comparar.
No passado discurso condizia com o que se via nas ruas. Hoje não.
Considera o PSDB como seu grande adversário em 2014. Erro de avaliação.
O Grande adversário do PT é o PT.
Partido que está no Poder a 12 anos, tem a obrigação de prestar contas. Mostrar o que fez. Expor realizações e deixar a Nação avaliar.
Desaforos a oponentes e constantes críticas a adversários, em nada ajudam. Muito pelo contrário.
Revelam falta do que mostrar.

PT implode na sua inabilidade de dizer não a aliados e a si próprio. No inchaço da máquina. Em promessas não cumpridas e no sucateamento de setores vitais.
Enquanto isso militância continua criticando Governos do Século passado e ofendendo opositores.


Para quem sempre defendeu igualdade e humildade, se colocam como Nova Raça Ariana - Hai Lula!!!
Demonstram ter convicção da existência de dois tipos de brasileiros.
Petistas e Amebas a serem escravizadas, humilhadas ou mortas.

Não enxergam o óbvio. Caminhamos para um voto de protesto.
Na Guerra da Estrela e do Tucano, surgirá um terceiro. É ver pra crer.

DE A UM TIRANO MILITANTE FANÁTICO E ESCREVA PÁGINA NEGRA NA HISTÓRIA.

Coisa de um País que virou uma coisa.
Gente sem Valores comandada por gente sem Valor.
E Assim o Mundo Gira e o brasil se Afunda


Hit do X9 mauuu!!! - Paródia.

http://youtu.be/z62E4wNr2a4

Obrigado por prestigiar o Sofa de Pobre.
Sua presença, incentivo a continuar.
Ajude-nos nessa empreitada.
Prestigie patrocinadores. Clique em suas mensagens.

Nenhum comentário:

Postar um comentário