Mesmo os voos solitários chegam em algum lugar. Façamos de nosso Pais a Terra que sempre sonhamos viver...

terça-feira, 9 de abril de 2013

Fernando Collor em Montenegro - Será????

Foto: Autor desconhecido

Hoje acordei com crise de saudosismo. Coisa de Velho.
Retornei no tempo. Viagem ao Século XX. Final da década de 80. Era Fernando Collor de Mello.
Nada de enlamear minha mente com questões ligadas à desonestidade ou corrupção.
Razões preponderantes:
- Não perco tempo com lugar comum.
- Quesito, se relevante nesse País, Lula estaria cumprindo Prisão Perpétua.
Concentrei-me em erros primários. Fruto de total inexperiência e deslumbramento com o Poder.
Boas intenções haviam. Basta recordar:
- Abriu Mercado para a Tecnologia e quebrou Monopólios. Não fosse ele, estaríamos hoje andando de Brasília e trabalhando com Máquinas de Datilografia.
No mais, desastre total.
- Criou o estilo Pavão. Sempre diante de "clics" e exposto à mídia.
- Considerou-se mais poderoso, do que Poderes Constituídos.
- Pensou em criar sua própria Imprensa (Rede OM). Batendo de frente com Mídia já existente (Rede Globo).
- Cercado de Gente competente e bem intencionada, preferiu dar ouvidos a PC Farias, Renan Calheiros, Zélia Cardoso e outros ETs. Úteis na Campanha. Descartáveis e prejudiciais no Governar.
- Atropelou Conselhos. Não negociou com Legislativo. Isolou-se e imaginou ter a força necessária, para dar um "Hippon" nos adversários.
- Apostou no apoio Popular, como arma capaz de tudo.
- Não enxergou o tamanho e a força do Vice.
- Arrogante, tornou-se cego. Sem condições de perceber  limites e regras, inerentes ao Cargo de Líder do Executivo.
- Imaginou estar criando novo estilo de governar. Na verdade cavava a própria Cova. Adversários limitaram-se a dar corda e escolher a árvore.
- Não terminou o mandato.

Foto: Autor Desconhecido

De repente, acordei e voltei a Montenegro. Cheguei a me arrepiar.
Sorri, diante da bobagem pensada.
Nada há ver. Diferença abissal.
Um se chama Fernando. O Outro Paulo.
Um teimou. O outro tem chance de repensar

4 comentários:

  1. \0/... só de lembrar, do outro... arrepios

    ResponderExcluir
  2. A História é cíclica, mas repetitiva.

    ResponderExcluir
  3. SONHO??? PESADELO??? AQUI BEM ACORDADOS!! OXALÁ A HISTÓRIA NÃO SE REPITA!!

    ResponderExcluir